segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Podre Pranto

Palavra dita e pedra atirada não voltam.
Mas machucam.

O arco-íris já é preto
e branco

Tudo já não é a mesma coisa.

Meu dentro é podre.
E pranto.

3 comentários:

Paulinha, trocando em miúdos disse...

entendo...

Alice Agnelli disse...

pior que é.

e é mesmo:
palavra dita e pedra atirada não voltam...

Felipe Lobo disse...

uma vez ouvi uma frase ótima: "As palavras são nossas escravas até que nós as dizemos. Depois, nos tornamos escravos delas"